terça-feira, 10 de dezembro de 2013

Alunos da Uepa aprendem geometria em oficina de origami

O Centro de Ciências e Planetário da Universidade do Estado do Pará promove, na próxima quinta-feira, 12, a oficina Origamis e Geometrias, voltada para os alunos de Licenciatura em Matemática e de Pedagogia da Uepa. Idealizada pela professora Eliana Sousa, a oficina, que acontecerá das 8h30 às 11h30, surgiu da experiência em sala de aula. Segundo a professora, os alunos precisam ser estimulados a utilizar materiais de fácil acesso, como o papel, nas atividades de ensino. “A gente quer que os alunos que estão se formando saiam com este conhecimento voltado para ensinar durante as aulas”, ressalta Eliana.

Segundo ela, a atividade comprova que é possível estudar a geometria por meio dos origamis. “A intenção é trazer uma ferramenta diferente do livro didático, trazer o material para ser utilizado, manuseado pelo aluno, para que ele mesmo construa e consiga ver os elementos de uma figura espacial”, afirma a professora.

Pâmela Barros, bolsista em fase de conclusão do curso de Licenciatura em Matemática pela Uepa, confirma que os origamis ajudam no aprendizado, principalmente da criança, já que possibilita a visualização do que está sendo estudado na sala de aula. “O origami é a arte de fazer dobraduras, envolve a geometria. Através da dobradura, é possível fazer animais e dinamizar o assunto durante a aula. O mais importante é esta dinamização, é trazer o abstrato para o real, porque sai daquela rotina do ensinamento expositivo, e traz o novo”, explica a aluna.

Antes do início da oficina, haverá uma discussão sobre o uso dos origamis na sala de aula. Ministrada pelos próprios bolsistas do Planetário e com a orientação da professora, a atividade acontecerá pela primeira vez no Planetário e contará com 20 vagas.

Serviço: Oficina Origamis e Geometrias, quinta-feira, 12, das 8h30 às 11h30, no Centro de Ciências e Planetário da Uepa (rodovia Augusto Montenegro, Km 3, s/n, Nova Marambaia).

Inscrições gratuitas pelo telefone 3216-6300, ou no próprio Planetário.

Fonte: Agência Pará

0 comentários: