terça-feira, 18 de setembro de 2012

Charles na Escola de Dragões


Editado pela FTD, a história de Charles na Escola de Dragões, de Alex Cousseau, mostra, de maneira poética, lúdica e didática, como o processo de depreciação vivido pelo personagem, causado pela intolerância de seus colegas, afeta a percepção que tem de si mesmo e como a superação desse sentimento de inferioridade é essencial para a sua real libertação.

Charles é franzino, tem asas e pés enormes, não consegue voar e não cospe fogo em seu caderno, como manda a professora. Ao contrário, aproveita as aulas para compor poemas. Certo dia, porém, liberta-se e consegue voar – e são justamente suas grandes asas e seus desajeitados pés que lhe proporcionam um bonito voo.

O livro apresenta no final um texto da tradutora, especialista em literatura, que estabelece para o pequeno leitor a relação dessa história com o conhecido poema francês e com o próprio Baudelaire. Também há a reprodução desse poema em português e a biografia do renomado poeta francês.

LIVRO
Autor: Alex Cousseau
Ilustradores: Philippe-Henri Turin
Editora: FTD

0 comentários: